Versão para impressão Enviar por E-mail
Save



Biblioteca Nacional de Portugal

Serviço de Atividades Culturais

Campo Grande, 83

1749-081 Lisboa

Portugal

 

 

Informações e marcação de visitas:

Serviço de Relações Públicas

Tel. 217982167 e 217982434
Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar


Eventos próximos



Obras proibidas e censuradas no Estado Novo
LANÇAMENTO | 31 jan. '23 | 18h00 | Auditório | Entrada livre

O catálogo da exposição Obras proibidas e censuradas no Estado Novo, que esteve patente na Biblioteca Nacional de 3 de maio a 16 de setembro do ano passado, é apresentado por Joaquim Cardoso Gomes e José Pacheco Pereira, numa sessão que conta ainda com a participação de Álvaro Seiça e José Pedro Castanheira. Mais informações

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

De Tutankhamon e Carter à Tutmania e Mumiamania
Expressões da egiptomania num mundo global: a Mumiamania
CURSO LIVRE | 1 fev. '23 | 17h30-19h30 | Auditório | Entrada livre

As múmias são um tópico do fascínio pelo Egipto Antigo, desde o século XVIII até à atualidade, onde se mesclam a curiosidade mórbida e a científica com o apelo dos talismãs, amuletos e efeitos miraculosos. (...) Moldando claramente a apreciação e a compreensão do Egito Antigo, da sua cultura e das suas práticas e produções, a Mumiamania foi e é um importante agente na receção da civilização do Egito Antigo. Mais informações

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Seca, fome e colonialismo português em África
História e memória (séculos XIX-XXI)
SIMPÓSIO INTERNACIONAL | 2-3 fev. '23 | 09h30-17h30 | Auditório | Entrada livre

Este simpósio tem como objetivo juntar estudantes de pós-graduação e investigadores de diferentes disciplinas para discutir os contextos, as causas e as consequências sociais, económicas e ecológicas da seca e da fome na antiga África colonial portuguesa, bem como promover o debate sobre as respostas que as populações e os governos deram à seca e à fome, dialogando com a investigação de relevo nas áreas da história ambiental, história do clima, história social, história imperial, história da ciência, história da saúde e história das migrações. Mais informações

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Outros Celtas. Celtismo, modernidade e música global em

Portugal e Espanha

LANÇAMENTO | 7 fev. '23 | 18h00 | Auditório | Entrada livre

Resultado de uma colaboração inédita entre etnomusicólogos e antropólogos de Portugal e Espanha, este livro articula o imaginário celta com a música, as políticas de identidade e de desenvolvimento local, a europeização, os intercâmbios transnacionais, e a reconfiguração, mercadorização e mediatização das músicas locais. Mais informações

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Bosco deleitoso
LANÇAMENTO | 9 fev. '23 | 15h00 | Auditório | Entrada livre

O Instituto de Filosofia da Universidade do Porto (IF-FLUP) e as Edições Húmus publicam uma nova edição do Bosco deleitoso, obra anónima do século XVI, de que a Biblioteca Nacional detém um dos dois únicos exemplares existentes em Portugal. Esta nova edição é da responsabilidade dos Professores José Adriano de Freitas Carvalho, Luís Fardilha e Maria de Lurdes Correia Fernandes. Mais informações em breve

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Ciência e Cultura. Quebrar fronteiras
CICLO DE SEMINÁRIOS | 13 fev. '23 | 14h30 | Sala Multimédia | Entrada livre

 

O Seminário "Ciência e Cultura - Quebrar Fronteiras" é um seminário interdisciplinar, coordenado por Adelino Cardoso e Nuno Miguel Proença, no âmbito da atividade do Centro de Humanidades da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (CHAM-NOVA FCSH), cujo objetivo principal consiste em aprofundar a complexa teia de relações que se estabelecem na produção das múltiplas formas de saber e na dinâmica da sua organização coerente. Mais informações

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

História da Edição: um balanço luso-brasileiro
COLÓQUIO | 13-14 fev. '23 | 14h30-19h00 | Auditório | Entrada livre

Com coordenação de Nuno Medeiros e de Ana Utsch e com a participação de Roger Chartier, este colóquio reúne investigadores brasileiros e portugueses cujo trabalho tem concorrido para configurar os termos e as direções dos estudos sobre o livro e a edição. Organizado pelo Centro de Estudos Comparatistas e pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, o colóquio tem formato híbrido (presencial e remoto). Mais informações
. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Lugares e práticas historiográficas: educação, património
e cultura impressa
COLÓQUIO INTERNACIONAL | 16-17 fev. '23 | 09h30-19h00 | Auditório | Entrada livre

Com a participação de educadoras/res, investigadoras/res, centros de investigação e organizações culturais de Portugal, Brasil e Cabo Verde, este colóquio discutirá temas como o ensino do passado colonial, os intercâmbios culturais e a circulação da cultura impressa na construção de processos historiográficos, as relações entre comemoracionismo, espaço público e escrita da História. Durante o colóquio, será lançada a Rede Internacional de História das Pedagogias, Patrimónios Culturais e Materiais Didáticos em Língua Portuguesa. Mais informações

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Revisitar Gaspar Frutuoso e as Saudades da Terra
COLÓQUIO | 20 fev. '23 | 14h00-19h00 | Auditório | Entrada livre

Colóquio de encerramento da exposição, A biblioteca de Gaspar Frutuoso, que assinala o quinto centenário do nascimento de Gaspar Frutuoso, autor açoriano natural da ilha de São Miguel. No final da sessão Onésimo Teotónio de Almeida apresentará o livro, Gaspar Frutuoso: o homem e a obra, de Avelino de Freitas de Meneses (Letras Lavadas Edições). Mais informações