Versão para impressão Enviar por E-mail
banner_bonne_corde2

 

 

Biblioteca Nacional de Portugal

Serviço de Actividades Culturais

Campo Grande, 83

1749-081 Lisboa

Portugal


Tel. 21 798 20 00
Fax 21 798 21 40
Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar

 

Informações

Serviço de Relações Públicas
Tel. 21 798 21 68

Fax 21 798 21 38
Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar

 

 

 


Ensemble Bonne Corde: violoncelo barroco e cravo

RECITAL | 13 fev. '15 | 18h00 | Auditório BNP | Entrada livre

 

Programa

Antonio Vivaldi (1678-1741)
Sonata V em mi menor maior para violoncelo e baixo contínuo
Largo | Allegro | Largo | Allegro

J. S. Bach
(1685-1750)

Suite n. 2 em ré menor. BWV 1008
Prelude | Allemande | Courante | Sarabande | Minuet I e II | Gigue

O Cravo Bem-temperado, livro 2
Prelúdio e Fuga n.12 em fá menor. BWV 881
Prelúdio e Fuga n.16 em sol menor. BWV 885

Francesco Geminiani
(1687-1762)
Sonata op.5 n.6 em lá menor para violoncelo e baixo contínuo  
Adagio | Allegro assai | Allegro


 

Diana Vinagre (violoncelo barroco)
Miguel Jalôto (cravo)

 

 

Ensemble Bonne Corde
O Ensemble Bonne Corde é um agrupamento de Música Antiga dedicado à interpretação historicamente informada com instrumentos originais, tendo como repertório alvo a literatura para violoncelo solo do séc. XVIII, tanto de câmara como concertante, não esquecendo o importante papel do violoncelo como instrumento de baixo contínuo.


O nome do grupo foi retirado do tratado de Martin Mersenne de 1636, Harmonie Universelle e pretende ser uma alusão às cordas de tripa utilizadas nos instrumentos de corda até ao início do séc. XX, quando estas foram substituídas pelas de aço. É também através da utilização de cordas de tripa que o Ensemble Bonne Corde pretende recuperar e dar a conhecer repertório esquecido dentro duma perspectiva historicamente informada. Não tendo no entanto por objectivo uma recriação ou um trabalho de arqueologia! Nunca vamos saber como esta música soava, queremos apenas perceber o melhor possível os códigos musicais da época.


Fundado pela violoncelista Diana Vinagre, o Ensemble Bonne Corde continua um trabalho de conjunto iniciado entre jovens músicos de várias partes do mundo que se foram cruzando nos seus percursos formativos e profissionais, em locais tão prestigiados como o Real Conservatório de Haia (Holanda) e a Orquestra Barroca da União Europeia. Todos os membros do grupo colaboram regularmente com os mais prestigiados agrupamentos de Música Antiga da Europa. Desde a sua fundação tem actuado em Portugal, Bélgica e Holanda, tendo já gravado para a RDP-Antena 2. Na presente temporada apresentou-se em  concerto no Festival de Música Antiga de Loulé, no Theatro Circo de Braga e no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.